Tudo Que Foi Dito é Uma Língua Desconhecida,de Maria Cristina Martins

R$ 35,00
. Comprar  
É muito bonita – e forte – a trilha que Maria Cristina Martins começou a traçar em
ovos de ferro (2016) e passa por Farândola (2021) para chegar às páginas deste Tudo que foi
dito é uma língua desconhecida. Em meio à profusão de caminhos que se abriram para a
poesia brasileira nos últimos anos, encontramos aqui uma poeta que não teme perguntar – de
diversas formas, por vários ângulos – quem sou eu?, lançar-se completamente, de corpo
inteiro (“fazer o corpo falar/como antes do princípio”), nas questões que se abrem dessa
questão fundamental e encontrar a forma-poema que a(s) faça explodir(em) também nos
leitores, como quem “expõe a perturbação da ordem, o ruído, o avesso, o fora de lugar”, como
disse Danielle Magalhães ao ler o segundo livro da poeta. (...)
Nas páginas deste livro – e por elas, para além delas – de Maria Cristina Martins, o
leitor lembrará que, entre as diversas formas que um livro de poemas é capaz de assumir, é
como espelho que ele mais nos espanta, porque nos devolve o que lançamos em sua direção
e, não raro, nos mostra irreconhecíveis – ou melhor, conhecendo-nos como nunca antes, isto
é, como ainda não nos conhecíamos. É para a frente desse espelho que Tudo que foi dito é
uma língua desconhecida nos desloca.

Tarso de Melo
• Prazo para postagem:
Veja também